Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

NO TEU MUNDO

COZY AUTUMN.jpeg

Levaste—me ao parque novo que havia ao pé da tua casa. Disseste—me que era o teu local favorito. Onde precisavas de pensar. Onde eras tu com os teus pensamentos. Onde deixavas os demónios que te atormentavam e buscavas a luz e a paz para viver. Quiseste mostrar—me este teu mundo e agradeci—te pela confiança sabendo o reservado que eras. Contaste—me histórias da tua vida e sonhos. Quando dei por mim apercebi—me que falávamos no plural e eu estava presente neles no teu discurso. Fiquei sem reação e aproximaste—me, beijando—me intensamente e as tuas mãos tocavam—me como um pianista numa melodia por estrear: primeiro timidamente porém começaste a ganhar confiança. As minhas mãos procuraram o teu pescoço e não recusei a aproximação. Ficamos tão ligados como a luz e a escuridão existem para haver equilíbrio. Era o que nós éramos. Balanço. Já éramos inteiros e com a nossa junção ainda nos tornamos melhores.

NA TUA SOMBRA

423327279e3f864d0d734bc590465ef8.jpg

Quem não teve a sensação que só uma pessoa luta ou demonstra mais numa relação? O quanto tu te esforças para levar a relação para a frente e isso não é reconhecido? Mostras amor, dedicação e não é recíproco? 
 A pessoa está junto a ti mas não a sentes presente. Sentes que és sombra. No entanto, tu és luz. Não deixes te ofuscar. Escolhe a pessoa que queres que a teu lado te faça brilhar mais. Brilhem juntos. Enfrentem as sombras juntos e não em separado. Se continuar a fazer sentir-te na escuridão, mostra de que luz és feita e brilha. Mesmo que seja sozinha. Porque não deves ter medo de fazê-lo sozinha.

O QUE A VIDA ME DEU

Personagens e Outras Coisas.jpeg

És a luz que me ilumina quando vejo o escuro. És o farol que me guia em tempestades. És a bússola que me orienta quando me perco. És o colo quando preciso de um casa. És conforto quando o desconforto está presente. És a minha música favorita quando oiço melodias. És o sol que me aquece nas manhãs frias. És a bebida gelada que refresca nos dias de calor. És as histórias escritas nas paredes das ruas desertas. És tudo o que escrevo e nunca te disse. És quem eu recorro depois de um dia menos bom. Porque és o melhor que a vida me deu. — Podia ser tudo verdade, se não me tivesses mostrado quem realmente és e eu nunca quis ver porque realmente és a melhor lição que a vida me deu.

APRENDER COM O TEMPO

7940dd9662a73b4162a8f93f8966dd7c.jpg

Com o passar do tempo, aprendemos o que vale a pena, quem vale a pena e a valorizar o que realmente nos satisfaz. 
 Nos tempos atuais, cada vez mais temos de fazer o que nos move e não perder tempo com o que nos deixa para trás. Fazer o que amamos, o que nos torna mais nós próprios sem fazer favores e não fazer o que os outros esperam que façamos. Somos nós que temos de nos levantar e agir. Enfrentar os nossos medos, porque é o que nos faz crescer e evoluir.
 Há coisas que demoram mais tempo a superar, porém cada um tem o seu tempo. Sem comparações. O que importa é aprender com os nossos erros, avançar com sabedoria. Aproveitar o tempo da melhor maneira possível que ele oferece.

EM PAZ CONTIGO

Image about girl in Tinymini🌲 by The Nicolety.j

Há meses que não me sentia bem como agora. Reorganizar prioridades da minha vida e situações e pessoas saíram da minha vida para melhorar a minha sanidade mental. Há aceitação para a dor física e ainda existe tabus quanto à dor mental. Se não nos sentirmos bem mentalmente, o nosso corpo revela os problemas que surgiram.

Entrei no templo que tinha saudades e senti uma paz inexplicável. Havia um silêncio, uma calma onde só havia eu e o templo que me recebia com saudade e com orgulho de mim por não ter desistido. Uma lágrima foi a resposta do meu corpo e o sorriso foi automático. Foi sinal de conquistas de caminhos, de escolhas que fazem de mim quem sou. De aproveitar oportunidades e reinventar em situações diferentes. É tempo de continuar em frente e não desistir porque ainda há muito para viver e cabe a cada um aproveitar da melhor maneira possível. Podem surgir dúvidas? Sim, mas se não darmos um passo em frente, continuaremos sempre atrás.

COMPANHIA PARA SEMPRE

136730191_2180180248781213_2369902910725446478_n.p

Primeiras férias sozinha e decidi levar o meu melhor amigo comigo. 
 Hoje com vinte e sete anos, tenho junto a mim há cinco anos. Foi amor à primeira vista. Os seus olhos azuis olharam mim como se o Universo nos unisse. Ficamos ligados de imediato e em pouco tempo, tornámo-nos inseparáveis.
 Não conseguia ter férias por motivos pessoais ou porque não tinha a quem deixá-lo. O meu husky. Amigalhaços e esta viagem só fazia sentido com ele. A uma montanha. Promessa que ia adiando.
 Na primeira noite, passamos acordados devido ao desconhecido. Ao segundo dia, divirtimo-nos e exploramos tanto que adormecemos a ver o pôr do sol. Acordamos sobressaltados com a chuva durante a noite e de repente, esta parou e apareceu a Lua. Uivaste e sorri de orgulho pelo compaheiro que tinha. Fiel, protetor e brincalhão. Tudo isto sem pedir nada em troca e só te podia encher de amor. Era o que chegava e nós podíamos retribuir um ao outro. Porque ter um animal não é só ter. É haver condições para ele ter o melhor conforto e dar-lhe muito amor. Porque quando estás sozinha é ele que te relembra que o tens ali sem pedir e vai estar sempre feliz por te ver, apesar de um dia fora de casa.

O QUE EU QUERO?

529d70991ddc7a979f9930e2999a1138.jpg

Quero verdade. Quero reciprocidade. Quero paz. Amor vindo de ti porque é a ti que eu quero. Quero ser quem ligas quando não estás bem. Quero ser o teu abrigo na tua procura de paz mas a tua montanha russa quando queres aventuras.
 Quero ser os teus abraços quando precisas de colo. Quero afagar-te o cabelo para que deixes os pensamentos negativos de lado. Quero que sintas que não precisa de mais nada quando estás comigo. Quero ser a mão que te agarra quando te sentires a cair. Quero ser o que procuras quando estás perdido, a tua bússola quando tiveres à deriva e o teu barco quando encontrares tempestades na vida. "Quero ser o que te impede de precisares de mais."

SE AS RUAS FALASSEM

IMG_2011.JPG

Hoje passei na rua onde demos o nosso primeiro beijo. Sorri ao lembrar a felicidade que senti. Suspirei e continuei a pensar como algo tão simples teve o significado que teve. Tínhamos ido ver o pôr do sol à praia depois de bebermos um copo numa esplanada. O final do dia parecia dar-nos a benção da magia que a Natureza criou. Antes de sairmos dali, fomos passear pelas pequenas ruas antigas da cidade e inventaste histórias, usando a imaginação [fértil]. Detalhaste uma que gostei muito e quando dei por nós, beijámo-nos tal como contaste a história. Percebi que era sobre nós. 
Voltamos ao carro de mãos dadas. Antes de entrarmos, disseste-me que querias continuar a explorar ruas comigo e em cada uma faríamos planos diferentes. Ri-me, mas acabei por concordar que seria algo a não esquecer. "Vamos deixar histórias nossas também nestas ruas?"  Vamos. Para que outros também sorriam ao lembrar que o amor aparece até na ruas mais desertas.

MEMORIZEI-TE

133575528_139898047773619_6052413209278074030_n.pn

Era fotógrafa há alguns anos e o tipo de fotografia que me fascinava era retrato a preto e branco. Captava a alma. A essência do ser humano que retratamos.
 No final do dia, desligava as luzes do estúdio quando me ligaram. Sorri porque eras tu. Estavas à minha espera para a nossa sessão. Tu escolheste a praia ao pôr do sol e estava perto da hora.
 Cheguei perto de ti e ainda deu tempo para um beijo rápido. Tiraste a blusa porque tinhas uma tatuagem relacionada com o cenário e querias que aparecesse. Comecei a disparar a máquina fotográfica e captei os teus detalhes: olhos, queixo, pescoço e à hora certa do sol beijar a água do mar, capturei a tua silhueta. Sorrias em algumas fotografias, noutras estavas de olhos fechados.
 Começaste a ver as fotografias e gostaste do resultado final. E eu gostei mais. Quando fazemos o que gostamos e o teu trabalho é reconhecido, não há nada melhor do que ter orgulho do nosso caminho.

Pág. 2/2