Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

SE É POR TI, NÃO TENS DE PEDIR DESCULPA

Quantas vezes deixaste de fazer as coisas que querias pelas outras pessoas? Quantas vezes continuaste a dizer "sim" aos outros e a dizer "não" a ti? Quantas vezes mete os interesses dos outros à tua frente? Agora que respondeste internamente estas questões pergunto: até quando? Tu também és pessoa. Tu tens limites e tens de os impor. Incluindo a ti próprio. Tens de saber dizer não a todos, até a ti próprio. Tens de dizer que não aceitas menos do que mereces. Tens de não deixar que os outros te pisem. Tens de te respeitar e ao teu corpo. Ouve-o e às tuas emoções. Não fujas do que sentes nem do que ele te transmite. Para r escuta os sinais. Dá tempo para parar e respirar. Algo tão simples que as pessoas não ligam e dão por garantido. Pois, nada é garantido, por isso começa a agir primeiro por ti, para ti. Saberás o que será melhor. As respostas estão dentro de ti.

2 comentários

Comentar post